Por: JCS

A jovem política e mãe, Jacinda Arderm é a primeira-ministra da Nova Zelândia, assim como uma mãe cuida com amor de seus filhos, ela tem cuidado de seu país enfrentando a pandemia e, com excelente estratégia conseguiu “vencer a guerra” contra a covid-19.

A Nova Zelândia é uma ilha que tem uma média de 5.000.000 de habitantes e veio a público, através de sua primeira-ministra Jacinda Ardem, nestes últimos dizer que: “Vencemos a guerra contra a covid-19”. A pergunta que não quer calar é: Como eles podem vencer uma batalha em que países estão sendo dizimados e, principalmente sem ter a cura ou vacina para o vírus?

Qual seria então a estratégia que eles utilizaram? Conforme a ministra, eles adotaram uma estratégia eficiente baseada em três pontos fundamentais: – Fazer um grande número de testes para a população; – Antecipar as providências de precaução da população; – Construíram uma forma de alarme em que todas as medidas tomadas ficavam bem compreensíveis para a população. O resultado desta combinação é comprovado pelos números abaixo:

Foram registrados 1.490 casos de pessoas infectadas pela covid-19, 90% dos infectados já foram curados e estão com saúde (1.347), deste total 21 cidadãos morreram. Hoje, na ilha, há o registro de 122 pessoas com a doença e destes, apenas 3 pessoas estão internadas, isto significa uma vitória e controle absoluto sobre os efeitos da pandemia. Estes dados são do Governo da Nova Zelândia.

Conforme o site UOL, eles fizeram uma alta testagem na população antes mesmo que o vírus fosse detectado na ilha, pois já fizeram mais de 175 mil testes na população, isto representa uma taxa de 35,8 a cada mil habitantes no país. Ou seja: um em cada 28 habitantes já foi testado para diagnóstico, conforme informações do governo local. Isto prova que o país acertou em fazer os testes em massa e principalmente na adesão da população à quarentena.

Mas, eles não esperaram o vírus chegar e estraçalhar a população, começaram a combater a pandemia 30 dias antes de ter o primeiro caso confirmado, assim, quando foi diagnosticado o primeiro caso do vírus neozelandês, o pais já estava com várias restrições sendo praticadas por todos.

Portanto, eles criaram vários níveis de isolamento (lockdown) e foram afrouxando à medida que viam os números baixarem e ficarem controlados e, assim, mesmo sem terem uma vacina eles conseguiram dominar e vencer a pandemia, afinal, conforme dados acima, existem apenas três pessoas internadas.

O trabalho da primeira-ministra, Jacinda Arderm está de parabéns, pois se mostrou muito eficaz no controla da pandemia. Ela é uma jovem de 39 anos, tem uma filha de quase 2 anos, Neve Te Aroha Ardern Gayford, e, assim, tem tratado o seu país com amor, da mesma forma que uma mãe trata e protege seus filhos.

Imagem: Youtube

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS