“Existem 29 milhões de lares com cães e mais de 18 milhões com gatos. A grandeza de uma nação e seu progresso moral podem ser medidos pelo tratamento que seus animais recebem ”, disse a ativista Kelly Barroso, citando Mahatma Gandhi no evento.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, promulgou uma lei na terça-feira que aumenta a pena para proprietários que maltratarem cães ou gatos. Diz-se que o presidente resistiu à ideia, mas agora, graças à pressão de sua esposa Michelle de Paula Firmo, acabou cedendo.

“Nunca tive dúvidas se ia ou não sancionar, até porque soube da aprovação no Congresso pela primeira-dama. Isso preenche uma lacuna sobre os maus-tratos aos animais, coisa indizível que outros animais que se julgam racionais fazem ”.

–Jair Bolsonaro expressou em seu discurso–

Em princípio, a legislação brasileira punia os donos de animais negligentes com pena de três meses a um ano de prisão por seus abusos, a partir de agora a pena terá pena máxima de cinco anos, talvez a única coisa a melhorar é que a pena É exclusivo quando cães e gatos sofrem com isso, mas não outros tipos de animais de estimação.

O  presidente a princípio foi um tanto cético em relação à ideia, há muito tempo ele disse: “Quem abandona um recém-nascido é condenado a seis meses a três anos. Então, quem maltrata um cachorro ou um gato vai ficar até cinco anos na prisão ”, mas agora, ele deu um passo importante e muito atencioso com os animais de estimação.

Kelly Barroso – presidente da organização não governamental Miau Amigos – esteve presente na cerimônia e forneceu algumas estatísticas relevantes sobre o assunto.

“Existem 29 milhões de lares com cães e mais de 18 milhões com gatos. A grandeza de uma nação e seu progresso moral podem ser medidos pelo tratamento de seus animais ”, citando Mahatma Gandhi.

Um avanço que ainda chama a atenção pela postura que o Presidente teve no início, porém, o que importa é o resultado. Agora, os proprietários cruéis vão pensar duas vezes antes de bater em seus animais de estimação.

Tradução e adaptação de: UPSOCL

 

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS