Por: JCS

Suíça  é  o  primeiro  país  que  autoriza  uso  padrão  da  vacina  da  Pfizer  contra Covid-19

A Suíça determinou neste sábado (19) o uso padrão da vacina contra a Covid-19, desenvolvida pelos laboratórios Pfizer/BioNTech, conforme anúncio feito pela autoridade de regulamentação sanitária nacional Swissmedic. Eles disseram o seguinte:

Após uma análise meticulosa da informação disponível, a Swissmedic conclui que a vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech é segura e suas vantagens são maiores que os riscos”, afirmou-se em comunicado.

capa oficial - Suíça é o primeiro país que autoriza uso padrão da vacina da Pfizer contra Covid-19
Esta é a primeira que uma vacina contra o coronavírus é autorizada no país e a primeira que não é do tipo EMERGENCIAL no mundo.

“Conseguimos tomar esta decisão rapidamente, garantindo o respeito às três condições essenciais: segurança, eficácia e qualidade”, afirmou o diretor da Swissmedic, Raimund Bruhin.

A Suíça, possui 8.6 milhões de habitantes, e havia negociado cerca de 15.8 milhões de doses das vacinas, que foram negociadas com três fornecedores: 3.0 milhões de doses com a Pfizer-BioNTech, 7.5 milhões com a Moderna e 5,3 milhões de doses com a AstraZeneca. Para cada pessoa são necessárias duas doses de qualquer uma das três vacinas.

Assim como na maioria dos países, a Suíça vem amargando derrotas para o coronavirus, visto que tem se registrado mais de 4.000 novos casos de infecção diariamente e mais de cem mortes. Até o momento, o país já contabilizou 400.000 casos de infecção e 6.000 mortes desde o início da pandemia em março.

O governo comunicou nesta sexta feira (19) que serão adotadas novas medidas para conter o grande avanço da pandemia da covid-19. A partir de 22 de dezembro, restaurantes, centros comerciais e esportivos terão que ficar fechados.

Estas restrições valem até 22 de janeiro.

Com Informações: UOl

OUTRAS LEITURAS



Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS