Nos últimos anos, diversas grandes marcas têm focado cada vez mais na diversidade, seja ela racial, de gênero ou aparência, ao anunciar seus novos produtos. A inclusão é sempre bem-vinda e a Zara é mais uma a entrar nesse maravilhoso “novo normal”.

Há alguns dias ficamos sabendo da notícia de uma criança com síndrome de Down chamada Patricio (carinhosamente chamado de Roscón), filho da famosa chef Samantha Vallejo-Nágera, que participa como júri do programa Masterfchef espanhol. Ela é tão conhecida por lá que se tornou uma celebridade. No entanto, nada disso a salvou de receber várias críticas ao postar um vídeo com o filho.

No registro, a chef apareceu conversando com o filho sobre uma festa na escola da qual ele compareceu. Ela então perguntou se ele tinha dançado com uma menina ou um menino. Patricio respondeu: “Com um menino.” Antes disso, sua mãe, surpresa, disse-lhe que “meninos dançam com meninas”.

1 - Róscon, o primeiro menino com síndrome de Down a se tornar modelo da Zara
Instagram @samyspain

Imediatamente, e a internet não perdoa, choveram críticas sobre a chef, nas quais vários usuários a classificaram como sendo uma pessoa homofóbica pela resposta que dada ao filho.

Acontece que o garoto já era famoso também muito antes disso. Ele foi o primeiro rosto da Zara com Síndrome de Down a ser chamado pra modelar.

2 - Róscon, o primeiro menino com síndrome de Down a se tornar modelo da Zara
Zara

Foi na campanha de 2019 chamada “Sun Summer Fun”, Roscón vestiu roupas de verão, com vários vestuários, estampando catálogos internacionais.

capa oficial - Róscon, o primeiro menino com síndrome de Down a se tornar modelo da Zara

Na época, a chef publicou com orgulho as fotos do filho em seu Instagram e escreveu: “Quando seu filho é o primeiro modelo com síndrome de Down no site da Zara e você está morrendo de ilusão sobre o que isso significa. Obrigado por amá-lo tanto.”

3 - Róscon, o primeiro menino com síndrome de Down a se tornar modelo da Zara
Zara

A questão é que naquele tempo, não houve qualquer menção sobre a chef, que apoiou o filho que até fotos com maiô fez. Esse exemplo é só mais um de como às vezes a internet pode ser perturbadora. Ainda assim, ficamos felizes por grandes marcas reconheceram e cederem espaço pra que o diferente na verdade seja encarado definitivamente com o o “novo normal”.

4 1 - Róscon, o primeiro menino com síndrome de Down a se tornar modelo da Zara
Zara

Com informações Upsocl
Fotos: Zara

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS