“Fabio Mendoza é pastor da igreja Assembleia de Deus, Lagoinha, RJ, este gesto inédito tem chamado a atenção e admiração de muitas pessoas, pois acham justo. Deus o colocou lá para realizar esta missão, diz ele”

Egoísmo e interesses pessoais têm consumido nossa sociedade e transformado as pessoas em insensíveis. Quase ninguém olha a pessoa do lado, ninguém ajuda os outros, ninguém pensa nos outros.  Por esse motivo, muitas religiões do mundo estão perdendo sua IDENTIDADE e também os fiéis, enquanto algumas ostentam luxo e riquezas, outras morrem de fome e passam necessidades. Mas ainda há esperanças, há exceções.

Este pastor do Rio de Janeiro conquistou o respeito e a admiração de muitas pessoas. Seus fiéis viram nele uma pessoa verdadeira, com um propósito sincero. A grande razão é que ele usa os dízimos que a igreja arrecada para construir casas para os necessitados. Deus o colocou lá para cumprir essa missão, diz o pastor.

1 1 - Pastor usa o dízimo de sua igreja para construir casas para pessoas pobres. Ele mesmo as constrói
Foto: Reprodução Youtube.

O nome dele é Fabio Mendoza e, junto com outros membros da igreja, já construíram 4 casas para pessoas de baixa renda.

A comunidade de fiéis, localiza-se no Rio de Janeiro, chama-se Igreja Assembleia de Deus do Ministério Lagoinha, fortaleceu a fé de muitas pessoas com essas belas ações sociais.

Assista ao vídeo da construção de uma dessas casas:

O pastor Fabio trabalha como policial militar na cidade de Cabo Frio, trabalha para o estado e para a igreja evangélica e tem conquistado a admiração das pessoas. Uma rádio local decidiu entrevista-lo e registrar essa bela atitude, o motivo da entrevista foi que eles contraíram uma bela casa para a Sra. Andrea Rocha.

Mesmo ajudando pessoas necessitadas choveram críticas ao trabalho dele.

2 1 - Pastor usa o dízimo de sua igreja para construir casas para pessoas pobres. Ele mesmo as constrói
Foto: Reprodução Youtube

Membros de outras igrejas acharam uma verdadeira aberração, pois acreditam que o dizimo é uma oferta sagrada que não deve ser destinada a “esse tipo de caridade”.

Sua defesa é única e convincente: afirma que o trabalho que Deus lhe confiou é zelar pelas necessidades espirituais e econômicas de seus filhos.

Afirma ainda que: “Deus me colocou lá para cumprir esta missão”.

 

Texto traduzido e adaptado de:UPSOCL

 

 

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS