A jovem malinesa de 25 anos, Hamila Cissé, foi surpreendida na maternidade, afinal ela estava grávida de 7 crianças, pelo menos foi o que foi confirmado nos exames de pré-Natal. Só que no momento do parto, ela teve uma bela surpresa, os médicos verificaram que não eram apenas 7 bebês e sim 9. Este é um caso raríssimo de acontecer.

A notícia despertou curiosidade em todo o país, tanto que o governo do Mali, acompanhou todo o parto para assegurar que tudo desse certo. Conforme a Ministra da Saúde, Fanta Siby, o parto rendeu cinco meninas e quatro meninos.

As últimas ocorrências de partos de Nônuplos foram em 1971, na Austrália, e em 1999, na Malásia, contudo os bebês tiveram o desenvolvimento comprometido e faleceram poucos dia após o parto. Este não é o caso dos bebês de Halima Cissé. Conforme informações dos familiares, todos os bebês recém-nascidos estão plenamente saudáveis inclusive a própria Mae Hamila, que enfrentou uma gravidez conturbada e de alto risco, está muito bem de saúde.

Dessa maneira, este foi o MAIOR PARTO QUANTITATIVO desde 2009, ocasião em que Nadya Suleman – reconhecida pelo Guinnes – deu à luz oito gêmeos, que estão com a saúde perfeita até hoje.

croppedImg 914222388 - Mulher de 25 anos deu à luz 9 filhos
Foto: Reprodução

A gestação e parto de Halima foi acompanhada bem de perto pelos médicos malineses, inclusive depois dos hospitais em Bamako reconhecerem que não tinham capacidade para dar acolhimento de saúde para a mãe. Assim, ela foi encaminhada a um dos melhores hospitais de Marrocos.

“Estou muito feliz”, afirmou o esposo, Adjudant Kader Arby, à BBC. “Minha mulher e as crianças estão muito bem no momento.”

“Todos nos ligaram! Todo mundo! As autoridades do nosso governo nos parabenizaram pelo feito. Eu os agradeci. Até o presidente me ligou”, finalizou.

Os bebês de Halima precisam ficar em observação por algumas semanas até que recebam liberação dos médicos.

 

Com informações: Hypeness

OUTRAS LEITURAS



Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS