Por: JCS

Mesmo com 94 anos de idade, ele precisava trabalhar todos os dias para prover o seu sustento, era um ambulante que ficava em sua cadeira de rodas vendendo lanches. Um certo dia sua história começou a mudar desde que uma mulher parou para conversar com ele, e foi uma conversa que mudou a sua vida. (Assista ao vídeo abaixo)

Às vezes, certas pessoas acabam desempenhando um papel de “anjo da guarda”, naquele dia a pessoa que parou para conversar com ele foi a jovem Kenia Barragan, de 28 anos, ela perguntou para o Sr José Villa Ochoa (Todos o conhecem como Don Joel) por que ele ainda tinha que trabalhar na rua com aquela idade avançada.

José Villa, lhe respondeu que com a idade de 94 anos ninguém se interessa para contratar um “idoso”. Assim, ele ganhava seu sustento vendendo sanduíches mexicanos para uma mulher, quanto terminava o dia ela lhe pagava pelos lanches vendidos.

Naquele dia, Kenia voltou para sua casa e ficou com a história daquele idoso martelando em sua cabeça, um homem daquela idade trabalhando nas ruas de Santa Ana, Califórnia, EUA, lhe incomodava profundamente.

https://www.instagram.com/tv/CCj63-7FMgb/?utm_source=ig_web_copy_link

“Eu senti por ele. Meus pais são mais velhos e eu odiaria ver meu pai vendendo “tomales” para alguém e mal conseguindo sobreviver”, declarou Kenia emocionada.

O início de uma boa ação

Ela resolveu publicar um post nas redes sociais contanto a situação daquele idoso, pois tinha esperança que algumas pessoas pudessem se interessar e dar alguma ajuda.

O resultado foi que muitas pessoas se comoveram com a história do Sr José Villa Ochoa, sentiram na pele as dificuldades que ele passava. Assim, kenia conseguiu arrecadar 80 mil dólares, cerca de R$ 413 mil reais para ajudar o simpático Don joel.

Em seguida, ela lhe presenteou com uma nova cadeira de rodas, com melhor qualidade, e lhe entregou um par de sapatos pretos bem brilhantes para dar de presente ao vendedor ambulante.

A emoção de ser ajudado

O coração do Sr José bateu forte quando soube de tudo que Kenia fez por ele, mesmo sem o conhecer, ele chorou copiosamente pois sabia que alguém verdadeiramente se importou com ele e o quis ajudar.

Ele cheio de gratidão disse que aquela enorme doação representava uma “mudança de vida” para ele e principalmente para a jovem Kenia Barragan.

Kenia disse: “Eu sempre quis um propósito na minha vida e queria ajudar as pessoas. Este foi o ponto de partida para mim”.

E para finalizar ainda disse:

“Precisamos cuidar um do outro. Mesmo que você não possa dar dinheiro – faça uma oração, devolva algo, reserve um tempo para conhecer alguém”.

Esta foi a história de uma jovem que se importou com a história de vida de um idoso, e quis ajuda-lo. Às vezes os anjos não aparecem com asas e sim com um coração caridoso que faz de tudo para ajudar ao outro.

https://www.instagram.com/p/CCRiLHyDKmS/?utm_source=ig_web_copy_link

 

Com informações: Fox7

Crédito imagens: Instagram

OUTRAS LEITURAS



Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS