O atacante de futebol Patrick Maia, 32, assim que seu filho de 2 anos foi diagnosticado com câncer neuroblastoma (estágio 4), paralisou totalmente sua carreira na Europa, largando tudo para cuidar da saúde de seu menininho.

Diante deste grande risco, ele, que trabalha como atacante do Marsa e já jogou no Remo, tem buscado a ajuda e apoio das pessoas para custear o tratamento. Assim, lançou uma rifa solidária nas redes sociais.

Captura de Tela 678 - Jogador brasileiro paralisa carreira de atacante na Europa e cuida do filho de 2 anos com câncer
Instagram: @patrick9maia

O jogador brasileiro, que se encontra a uma distância de 8 mil km do Brasil, está enfrentando dificuldades para manter o tratamento, assim, está contando com as doações das pessoas que o admiram no tempo que jogava pelo Marsa, é um clube da primeira divisão de Malta.

Conforme o próprio jogador, parte do tratamento está sendo custeado pelo governo local para ajudar seu filho, Lucas Maia, de 2 anos, contudo ainda falta dinheiro para cobrir todos os gastos.

A dedicação ao filho é tanta que, Patrick fica ao lado do filho Lucas o dia inteiro. Inclusive os dois rasparam a cabeça como apoio para que o filho consiga enfrentar esta grande batalha.

Captura de Tela 679 - Jogador brasileiro paralisa carreira de atacante na Europa e cuida do filho de 2 anos com câncer
Instagram: @patrick9maia

Pelo Instagram, Patrick organizou uma rifa de duas camisas do Paysandu e três do Remo, essa rifa pode ser adquirida clicando AQUI.

Patrick é natural de Salinópolis, Pará, foi revelado pelo clube remo em 2008, onde jogou durante um ano. Antes de jogar na Europa, o jogador passou por outros clubes brasileiros. Em seu currículo exterior já atuou por equipes da Colômbia, Guatemala e Malta.

Com informações: O Amor
Imagens: Instagram: @patrick9maia

OUTRAS LEITURAS






Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.