Devido à falta de turistas por conta da quarentena, diferentes animais decidiram voltar para curtir as praias e águas cristalinas com total liberdade.

Em todo o mundo, vimos como os animais decidiram que é hora de voltar aos lugares em que vagavam livremente, depois que os humanos vieram invadi-los. Praias, colinas ou até centros da cidade têm sido um ponto de encontro para várias espécies.

Agora, um novo avistamento de diferentes animais nos surpreende novamente, depois que várias espécies foram fotografadas nas praias da zona hoteleira de Holbox , que faz fronteira com a Reserva Natural Protegida de Yum Balam e um dos lugares favoritos dos turistas.

0000 163 - Golfinhos, pássaros e raias retornam à zona hoteleira de Holbox, no México. A natureza comemora a ausência do homem!
CNN

O destino paradisíaco está localizado no México e, apesar de terem parado de trabalhar por algum tempo devido a COVID-19, eles tiveram novas visitas aos elegantes complexos hoteleiros: os animais estão desfrutando de suas instalações.

Por exemplo, raias gigantes de manta foram vistas nas margens de Punta Cotos , que claramente não podem ser abordadas se houver turistas tomando banho.

0000 164 - Golfinhos, pássaros e raias retornam à zona hoteleira de Holbox, no México. A natureza comemora a ausência do homem!
National Geographic

O mesmo ocorre com a chegada das tartarugas-de-pente , sendo uma das chegadas mais importantes.

0000 165 - Golfinhos, pássaros e raias retornam à zona hoteleira de Holbox, no México. A natureza comemora a ausência do homem!
National Geographic

Outros animais, como os golfinhos, decidiram que é hora de recuperar o que é deles e aproveitaram-se de nadar nas águas cristalinas de Holbox.

0000 166 - Golfinhos, pássaros e raias retornam à zona hoteleira de Holbox, no México. A natureza comemora a ausência do homem!
National Geographic

Além disso, esta ilha no estado de Quintana Roo sempre foi um santuário de pássaros, onde flamingos, garças e várias aves migratórias agora se aproveitam de descansar entre seus manguezais e áreas rasas, sem medo de se assustar com os seres humanos.

0000 167 - Golfinhos, pássaros e raias retornam à zona hoteleira de Holbox, no México. A natureza comemora a ausência do homem!
National Geographic

Outros animais adoráveis que foram observados visitando as instalações são uma família de guaxinins caminhando pelos hotéis vazios. Eles são os verdadeiros anfitriões da região.

0000 168 - Golfinhos, pássaros e raias retornam à zona hoteleira de Holbox, no México. A natureza comemora a ausência do homem!
National Geographic

O confinamento deu rédea livre aos animais, que desfrutam de calma, e os humanos levaram mais tempo para observar esses tipos de cenas e começaram a considerar lugares que ao mesmo tempo eram de espécies diferentes.

Por exemplo, nos primeiros dias de quarentena devido à pandemia da COVID-19, os habitantes das grandes cidades descobriram que seu lugar também era o dos animais. Javalis foram vistos em Barcelona ou um puma selvagem andando livremente pelas ruas vazias de Santiago do Chile.

Concordamos em uma coisa: sem humanos, os animais sentiram a confiança de serem livres.

 

Texto traduzido e adaptado de: UPSOCL

 

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS