Não importa se a sua virada de ano será numa praia paradisíaca ou se no quintal de casa, sentado em um banquinho de plástico.

Feliz Eu Novo para você!

No fundo, o que a gente quer e o que a gente almeja, talvez o símbolo do ano novo realmente se representa para nós é um desejo de mudança íntima, que faça com que a gente observe a vida sob uma perspectiva mais lúcida, mais madura, mais proativa, em que a gente possa ser mais autor do próprio destino e não viver a reboque os acontecimentos.

Se isso é uma proposta para você, então na verdade o meu desejo é um desejo de um feliz Eu Novo, que a gente possa estar disponível para o mundo, mas sobretudo para nós mesmos e desenvolver uma nova interioridade, e essa interioridade vai nos dar uma capacidade de ter um novo olhar sobre a vida, de olhar, por exemplo, para os nossos erros não como um lugar de acusação, mas de aprendizado.

De olhar para cada queda não como um lugar de lamento, mas de ensinar a levantar, seguir, por onde não ir novamente.

De olhar para os fins de relacionamentos não como a mágoa, a decepção e a frustração, mas aprendendo com os outros quais são os comportamentos que nós vamos querer para a nossa vida e os que a gente não vai mais admitir que aconteça, e vai se fazer respeitar, e vai se fazer amar pelas pessoas.

Assista ao Vídeo:

Não importa se a sua virada de ano será numa praia paradisíaca ou se no quintal de casa, sentado em um banquinho de plástico. A virada do ano demarca a mudança de um ciclo que só se concretiza quando percebemos que um Eu Novo se constrói quando entendemos que as nossas relações são muito mais importantes que qualquer outra coisa. A questão não está no lugar, nas coisas materiais, está naquilo que não se vê, mas se sente, ou seja, no amor que habita nossos corações. O seu ano não será novo se as mesmas atitudes permanecerem habitando o seu coração. É preciso querer construir uma nova jornada, ao lado daqueles que mais importam em nossas vidas. Não tema amar, porque quando se dá amor nada se perde. Feliz Eu Novo!

Posted by Rossandro Klinjey on Monday, December 30, 2019


OUTRAS LEITURAS


Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS