Por: JCS

A Pfizer, farmacêutica americana, juntamente com a BioNtech anunciaram hoje, (01), excelentes resultados na fase III do teste em humanos da vacina contra a covid-19. Os resultados foram amplamente divulgados pelas empresas nesta quarta-feira, dia 1.

Os detalhes do estudo científico foram publicados no site MedRxiv, em resumo, foram avaliados 24 pacientes no teste, os quais apresentaram resultados satisfatórios de anticorpos neutralizantes do vírus depois de 28 dias de receberem a primeira dose da vacina – o protocolo exige no mínimo duas semanas para que os resultados se desenvolvam no organismo que receberá o total de duas doses, a ideia é saber como o organismo reage às substâncias da vacina, se cria anticorpos ou não.

A metodologia aplicada nos testes foi assim: 24 participantes receberam doses da vacina em quantidades diferentes, entre 4 de maio e 19 de junho. Nove participantes, receberam placebo.

Os que receberam a vacina em dose efetiva, desenvolvida pela Pfizer, percebeu-se uma taxa maior de anticorpos neutralizantes em comparação aos resultados apresentados pelos pacientes que de fato foram infectados pelo coronavírus. Conforme acreditam os especialistas, estes anticorpos são extremamente importantes para que se desenvolva a imunidade ao vírus.

Outro fator animador, foi que a vacina além de ser bem tolerada, resultou em efeitos colaterais moderados, como certos quadros de febre e dor na região que foi aplicada.

Depois destes resultados animadores, novos testes serão realizados visando confirma a eficácia do medicamento, caso seja aprovada pelas agências reguladoras da Saúde, a farmacêutica Pfizer planeja a fabricação mínima de 100 milhões de doses até o final de 2020 e aproximadamente 1,25 bilhão de doses até o final de 2021.

Com informações: Veja

 

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS