O Brasil somou até dia 10/03 11.205.972 casos e 270.917 mortes por Covid-19 desde o começo da pandemia, conforme apuração do consórcio de veículos de imprensa. Os casos de mortes estão apresentando uma tendência de alta.

O Brasil registrou nas últimas 24 horas 2.349 mortes devido a Covid-19, este é o maior número desde que começou a pandemia, totalizando na quarta-feira (10) 270.917 mortes. Assim, a média móvel de mortes do Brasil nestes últimos 7 dias chegou em 1.645, um novo recorde. Se comparado com a média de 14 dias atrás, houve um aumento de 43%, ou seja: é um forte indicador de alta em óbitos devido a doença.

É o que demonstra um recente levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre os resultados da pandemia de coronavírus no Brasil com base nos dados fornecidos pela CONASS (Secretarias estaduais de Saúde), consolidado às 20h da quarta-feira (10).

1 mortes absolutas - Brasil registrou 2.349 mortes nas últimas 24 horas, quantidade recorde desde que começou a pandemia!
Como o Brasil chegou a 2.349 mortes em 24h — Foto: Arte G1

Na terça-feira, Goiás não tinha divulgado seu total de mortes, o que elevou a soma do estado hoje. Nesta quarta, o Distrito Federal não divulgou seus números de mortes e de casos.

capa oficial - Brasil registrou 2.349 mortes nas últimas 24 horas, quantidade recorde desde que começou a pandemia!

Também já são 49 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de 1 mil, 13 dias acima de 1,1 mil, e pelo décimo primeiro dia a marca aparece acima de 1,2 mil. Foram 12 recordes seguidos de 27 de fevereiro até aqui.

Veja a sequência da última semana na média móvel:

– Quinta-feira (4): 1.361 (recorde)
– Sexta-feira (5): 1.423 (recorde)
– Sábado (6): 1.455 (recorde)
– Domingo (7): 1.497 (recorde)
– Segunda-feira (8): 1.540 (recorde)
– Terça-feira (9): 1.572 (recorde)
– Quarta-feira (10): 1.645 (recorde)

Com informações: G1

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS