Por: JCS

A ideia foi inovadora e conseguiu atrair público para show, respeitando o distanciamento social e levando música boa para todos.

A banda The Flaming Lips teve um show divulgado pelo programa “The Late Show With Stephen Colbert”, através do canal CBS, nos Estados Unidos.

Eles fizeram um show em plena explosão da pandemia, só que de uma forma inusitada e inovadora, na última quarta-feira (10), se apresentaram respeitando todas as normas de isolamento social, para assim evitar a propagação do vírus e proteger a vida tanto dos integrantes da banda quanto do público.

O curioso foi que todos os músicos e o público estavam dentro de bolhas plásticas gigantes, individuais, desta maneira não havia nenhum tipo de contato físico entre as pessoas, músicos e plateia.

A impressão que se dava ao ver a apresentação era de um show futurista, contudo, este show foi uma realidade dos dias presentes que vivemos em plena pandemia.

A banda apresentou a música “Race for te Prize” (Dois cientistas estavam disputando), uma de suas músicas mais tocadas do álbum The Soft Bulletin, 1999, que relata a luta de dois cientistas que corriam contra tudo e todos para salvar a humanidade.

Você teria coragem de ir a um show de sua banda predileta e ficar dentro de uma bolha destas?

Dois cientistas estavam disputando

Pelo bem de toda a humanidade Ambos emparelhados

Tão determinados Presos em combate acirrado

Pela cura que é seu prêmio Mas é tão perigoso

Mas eles estão determinados

Querem vencer Se isso os matar

Eles são apenas humanos Com esposas e filhos

Além da vanguarda Onde a pressão é muito alta

Através do microscópio Esperança contra esperança

Forjando para o futuro Mas para sacrificar suas vidas

Ambos lado a lado Tão determinados

Querem vencer Se isso os matar

Eles são apenas humanos Com esposas e filhos

Querem vencer Se isso os matar

Eles são apenas humanos Com esposas e filhos

 

Imagens: Youtube

 

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS