Por: JCS

Coragem é o resultado final de nossas possibilidades e dos nossos limites.

Coisas ruins estão acontecendo e nós não estamos reagindo, não pode mais ser assim.

Muitas vezes o nosso sofrimento é duplicado dentro de nós porque nós alimentamos a experiência do medo.

Quando você pega a estrada para ir a determinado lugar haverá curvas e buracos, para chegar ao destino nós temos que correr riscos.

Quando nós verdadeiramente queremos, nós lutamos. `As vezes a vida sepulta mais do que a própria morte, quando não encaramos nossos próprios limites de maneira positiva, quando nós nos curvamos às nossas fraquezas, nossas fragilidades, quando criamos o espírito de vítima, de gente coitadinha.

Eu não vou permitir que a vida me sepulte mais do que a própria morte, não queira uma vida sem sofrimentos, queira uma vida com lutas, é isso que distingue as pessoas honestas nos dias de hoje. Aquelas que são capazes para olhar para os seus limites e dizer: eu tenho esse limite más o limite é meu, e não sou eu que sou dele.

Eu tenho problemas na vida más os problemas não me administram, sou eu que administro os problemas. Nós precisamos ter coragem, nós precisamos olhar esta vida de frente. Chega de gente fracassada, chega de gente indisposta para assumir a vida.

Seja honesto com a vida que você está escrevendo, seja honesto com os medos que você sente, seja honesto com aquilo que verdadeiramente merece o seu empenho, seja honesto com aquilo que verdadeiramente merece a sua atenção, pode ser que a gente esteja perdendo tempo na vida, porque nós estamos dando atenção àquilo que de verdade não precisa ser.

Nada pode ser mais perigoso para o ser humano do que ele esquecer QUEM ELE É. Se você esquecer quem você é os outros vão te transformar no que eles querem que você seja.

Assista ao vídeo:

Com informações: Fabio de melo


OUTRAS LEITURAS


Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS