Por: JCS

Um novo estudo, divulgado na revista científica Annals of Occupational and Environmental Medicine, afirmou que existe forte relação entre a quantidade de horas trabalhadas e a queda de cabelo.

A pesquisa constatou que homens entre 20 e 30 anos que trabalhavam ao menos 52 hs por semana, perdiam os cabelos mais frequentemente que aqueles que tinham um horário de trabalho regular.

A pesquisa estudou 13391 funcionários, separados em três grupos: os que trabalhavam 40 hs semanais, os que trabalhavam 52 hs, e os que trabalhavam acima de 52 hs. O primeiro grupo teve um aumento de 2% na queda de cabelo, o segundo grupo 3%, e o último 4%.

Conforme os pesquisadores Sul Coreanos, o estudo levou em conta algumas variáveis: estilo de vida e estado cível. Porém, a conclusão ainda é a mesma: trabalho em excesso e não ter tempo para o lazer danifica os folículos e causa a queda de cabelo.

Com informações: MSN


OUTRAS LEITURAS


Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS