Por: JCS

O MIT (Massachusetts Institute of Technology), que é uma universidade privada em Massachusetts, Estados Unidos, criou um ventilador de baixíssimo custo (E-VENT), que foi totalmente pensado para ajudar no tratamento do Coronavírus, Covid -19. Para produzir o aparelho o custo foi de US$ 100, e tem o objetivo de ser uma opção aos aparelhos tradicionais que além de serem poucos, são extremamente caros e completamente necessários para os pacientes graves que precisam de respiração artificial.

A boa notícia é que: o modelo está disponível em código aberto para qualquer um que quiser produzir. Convém lembrar que os Estados Unidos lideram o número de pessoas afetadas com o vírus, sendo que os mortos já passaram de 1000, infelizmente.

O jornal The Washington Post, fez um levantamento do preço dos ventiladores mecânicos tradicionais, o resultado foi assustador, pois cada um varia de US$ 25 mil a US$ 50 mil, dependendo do modelo e das configurações. Este invento vem a calhar com a crescente necessidade que as nações têm destes ventiladores mecânicos, dessa forma, há uma enorme possibilidade de ajudar os pacientes contaminados com o vírus e, a um custo baixíssimo.

Qualquer pessoa pode fabricar, e olha que os inventores não cobraram nada e nem royalties, é o conhecimento à serviço da humanidade.

e vent 1 - Massachusetts Institute of Technology criou o ventilador mecânico com custo de US$ 100

Foto:MITe vent - Massachusetts Institute of Technology criou o ventilador mecânico com custo de US$ 100

Para mais detalhes, acesse https://e-vent.mit.edu

Com informações: engenariae

 

OUTRAS LEITURAS



Sensível Mente
Revista de opinião e entretenimento, sobre temas relacionados ao equilíbrio entre mente corpo e espiritualidade.

COMENTÁRIOS